20 de fev de 2011

Exercício sobre gênero dos substantivos

01. Escolha a alternativa cujos gêneros, pela ordem, correspondem aos seguintes vocábulos: alface, grama (peso), dó e telefonema.
a) masculino - feminino - masculino - feminino
b) feminino - feminino - masculino - feminino
c) masculino - feminino - masculino - masculino
d) feminino - masculino - masculino - masculino
e) feminino - feminino - masculino – masculino

02. A alternativa em que há erro no sentido dos substantivos é:
a) o grama = unidade de medida; a grama = relva
b)o rádio = aparelho receptor; a rádio = estação transmissora
c) o guia = documento; a guia = pessoa que guia
d) o cisma = separação; a cisma = desconfiança
e) o moral = ânimo; a moral = ética

03. A série em que todas as palavras são femininas é:
a) foliona, deusa, ilhoa, trema, dó
b) heroína, cataplasma, edema, gengibre, orbe
c) grama, fel, coral, telefonema, derme
d) gênese, sóror, omoplata, bílis, cútis
e) champanha, hélice, libido, cura, sentinela

04. Na frase ”É uma doença que ataca o sistema de defesa do organismo”, observa-se o uso do artigo masculino o diante da palavra sistema. A palavra diante da qual não se pode usar o é:
a) edema
b) emblema
c) alfazema
d) problema
e) telefonema

05. Escolha a alternativa cujos gêneros, pela ordem, correspondem aos seguintes vocábulos: alface, grama (peso), dó e telefonema.
a) masculino - feminino - masculino - feminino
b) feminino - feminino - masculino - feminino
c) masculino - feminino - masculino - masculino
d) feminino - masculino - masculino - masculino
e) feminino - feminino - masculino – masculino

06. Dos substantivos abaixo, o que se classifica, quanto ao gênero, como sobrecomum é:
a) ré
b) tatu
c) ente
d) aldeã
e) analista

07. Assinale a alternativa que contém a exata classificação dos substantivos pessoa, barata, lojista, abelha:
a) sobrecomum, epiceno, comum-de-dois, heterônimo
b) epiceno, comum-de-dois, heterônimo, sobrecomum
c) comum-de-dois, heterônimo, sobrecomum, epiceno
d) heterônimo, sobrecomum, comum-de-dois, epiceno
e) sobrecomum, heterônimo, epiceno, comum-de-dois

08. Ficou com ___ quando soube que ___ caixa do banco entregara aos ladrões todo o dinheiro ____ clã.
a) o moral abalado - o - do
b) a moral abalada - o - da
c) o moral abalado - a – da
d) a moral abalado - a – do
e) a moral abalada - a – da

09. Há substantivos que têm um só gênero gramatical para designar pessoas de ambos os sexos. Uma das alternativas seguintes constituída de três substantivos desta espécie é:
a) a criança, a vítima, o selvagem
b) a criança, a testemunha, o agente
c) a vítima, a jovem, o parente
d) a criança, a vítima, o cônjuge
e) a testemunha, a patroa, o mestre

10. Assinale a alternativa em que os sentidos foram trocados:
a) a coma: juba; o coma: estado mórbido
b) a gênese: geração; o gênese: 1º livro do Pentateuco
c) a grama: erva rasteira; o grama: unidade de massa
d) a guia: documento; o guia: aquele que conduz
e) a crisma: óleo usado em alguns sacramentos; o crisma: o sacramento da confirmação

11. Assinale a alternativa incorreta:
a) Borboleta é substantivo epiceno.
b) Rival é comum de dois gêneros.
c) Omoplata é substantivo masculino.
d) Vítima é substantivo sobrecomum.
e) n. d. a.

12. Indique a alternativa em que todas as palavras são femininas:
a) cal, faringe, dó, alface, telefonema
b) omoplata, apendicite, cal, ferrugem
c) criança, cônjuge, champanha, dó, afã
d) cólera, agente, pianista, guaraná, vitrina
e) jacaré, ordenança, sofisma, análise, nauta

13. Identifique a alternativa em que o plural do diminutivo das palavras escritor,
informações, ligação e material está de acordo com a língua-padrão:
a) escritorezinhos, informaçãozinhas, ligaçãozinhas, materialzinhos
b) escritorzinhos, informaçãozinhas, ligaçãozinhas, materialzinhos
c) escritorezinhos, informaçõezinhas, ligaçõezinhas, materiaizinhos
d) escritorezinhos, informaçãozinhas, ligaçõezinhas, materialzinhos
e) escritorzinhos, informaçõezinhas, ligaçõezinhas, materialzinhos

14. Indique a alternativa em que só aparecem substantivos abstratos:
a) tempo, angústia, saudade, ausência, esperança, imagem
b) angústia, choro, sol, presença, esperança, amizade
c) amigo, dor, claridade, esperança, luz, tempo
d) angústia, saudade, presença, esperança, amizade
e) espaço, mãos, claridade, rosto, ausência, esperança

15. Aponte a alternativa em que haja erro quanto à flexão do nome composto:
a) vice-presidentes, amores-perfeitos, os bota-fora
b) tico-ticos, salários-família, obras-primas
c) reco-recos, sextas-feiras, sempre-vivas
d) pseudo-esferas, chefes-de-seção, pães-de-ló
e) pisca-piscas, cartões-postais, mulas-sem-cabeças

16. Dadas as palavras:
1. esforços
2. portos
3. impostos
Verificamos que o timbre da vogal tônica é aberto:
a) apenas na palavra 1.
b) apenas na palavra 2.
c) apenas na palavra 3.
d) apenas nas palavras 1 e 3.
e) em todas as palavras.

17.
1. O cônjuge se aproximou.
2. O servente veio atender-nos.
3. O gerente chegou cedo.
Não está claro se é homem ou mulher:
a) no primeiro período.
b) no segundo período.
c) no terceiro período.
d) no primeiro e no segundo períodos.
e) no segundo e no terceiro períodos.

18. Sublinhe os substantivos:
Uma página de diário
Clarissa abre o seu diário de capa verde e escreve.
Quero escrever neste diário tudo o que penso , tudo o que sinto. Mas a gente nunca escreve tudo o que pensa, tudo o que sente. Por que será que só somos sinceros pensando?
Preciso ter um diário porque não tenho com quem conversar. As minhas colegas do Elementar não gostam de mim. (Não sei por quê!) a única que me procura é a Dolores.
No diário é como se eu estivesse conversando comigo mesma. Assim tenho a impressão de que estou menos só.
Que é que tenho para contar? O dia está lindo. Estamos no outono. No pátio de minha casa tem uma paineira florida. Bonito! Uma professora formada dizendo “tem uma paineira”. O direito é “há uma paineira”. Mas fica tão pedante... Por que será que a gente nunca escreve como fala? Bom, mas a verdade é que ninguém vai ler o meu diário.
E se eu morrer? Se eu morrer, depois da missa de sétimo dia mamãe toda de preto vem chorando reunir as minhas coisas. Encontra este livro, abre. Lê e fica sabendo todos os meus segredos.
Não. Preciso destruir este diário antes de morrer. O pior é que a gente nunca sabe quando vem a hora da morte.
Mas eu ia dizendo que no nosso pátio tem uma paineira florida. De manhã os passarinhos fazem uma gritaria doida dentro dela. Se eu soubesse pintar, eu pintaria a nossa paineira.
Hoje, entrando na sala de visitas, senti a mesma coisa que sentia quando era guria. Quando olhei para o retrato do meu bisavô senti um medo esquisito, uma impressão de o retrato ia sair correndo atrás de mim. Bobagem! Um retrato não pode se mexer. Se os outros soubessem do meu medo, na certa riam de mim. Mas o que eu sinto, não devo mentir. Pelo menos para mim mesma...
Érico Veríssimo. Clarissa

19. Transforme as palavras em substantivos:
a) Destruir
b) Sincero
c) Pensar
d) Mentir
e) Limpo
f) Suave
g) Fiel
h) Ler
i) Aproximar-se
j) Fácil
k) Beber
l) Carinhoso
m) Fugir


A assembleia dos ratos
Um gato de nome Faro-Fino deu de fazer tal destroço na rataria duma casa velha que os sobreviventes, sem ânimo de sair das tocas, estavam a ponto de morrer de fome.
Tornando-se muito sério o caso, resolveram reunir-se em assembleia para o estudo da questão. Aguardaram para isso certa noite em que Faro-Fino andava aos miados pelo telado, fazendo sonetos à lua.
— Acho – disse um deles - que o meio de nos defendermos de Faro-Fino é lhe atarmos um guizo ao pescoço. Assim que ele se aproxime, o guizo o denuncia e pomo-nos ao fresco a tempo. Palmas e bravos saudaram a luminosa ideia. O projeto foi aprovado com delírio. Só votou contra um rato casmurro, que pediu a palavra e disse:
— Está tudo muito direito. Mas quem vai amarrar o guizo no pescoço de Faro- Fino?
Silêncio geral. Um desculpou-se por não saber dar nó. Outro, porque não era tolo. Todos, porque não tinham coragem. E a assembleia dissolveu-se no meio de geral consternação.
Dizer é fácil - fazer é que são elas!
LOBATO, Monteiro. in Livro das Virtudes – William J. Bennett – Rio de Janeiro:Nova Fronteira, 1995. p. 308.

21. Retire do texto acima:
a) Quatro substantivos abstratos
b) Um substantivo próprio

22. Construa uma frase com a palavra lima sendo substantivo próprio.

23. Coloque:
(01) Substantivo abstrato
(02) Substantivo abstrato
a) ( ) amargura
b) ( ) lobisomem
c) ( ) Deus
d) ( ) ar
e) ( ) Plutão

24. Assinale a alternativa em que a palavra grifada funcione como substantivo:
a) Os brasileiros são um povo alegre.
b) Os filmes brasileiros são premiados.


Tudo precisa de treino! Você já sorriu hoje?

4 comentários:

  1. Professora, gostaria de parabeniza-la pela iniciativa !Sou mãe de uma aluna que teve um teste contendo varias questões que vejo aqui.Eu tive duvida em algumas respostas a senhora pode me ajudar
    - questões: 1,2,5,6,9,11,12,17
    meu email é: alinefcarmo@yahoo.com.br

    ResponderExcluir
  2. Cadê o diabo do gabarito! Eu não estou achando aqui nessa bosta de blog. Eu prefiro acreditar que ele deve estar escondido em algum link por aqui. Pois só sendo muito(a) retardado(a) para esquecer de colocar a correção dos exercícios. Pro inferno!

    ResponderExcluir
  3. Gente, kd o gabarito? A atividade é massa, mais preciso do gabarito pra n perder tempo /!!!

    ResponderExcluir
  4. Gabarito - 1 - D
    2 - C
    3 - D
    4 C
    5 (repetida)
    6 -C
    7 - A
    8 - A
    9 - D
    10 - E
    11 - C
    12 - B
    14 - D
    16 - D
    17 - A
    24 - A

    ResponderExcluir